Arquivo da tag: sql

Checker de Disponibilidade de Usuário em jQuery, PHP e MySQL

Checa o banco de dados para verificar se um usuário existe ou não e retorna verdadeiro ou falso.

username

O JavaScript

  1. Então, para começar temos o nosso jQuery em função documento pronto, dentro deste temos um ouvinte de evento. Keyup função que quando acionada corre a função ‘username_check “.
  2. Dentro da função ‘username_check’, em primeiro lugar atribuir ‘username’ a variável com o valor do campo de entrada com o nome ID #.
  3. Vamos agora executar algumas verificações que o campo de entrada de nome de usuário não é vazia e que os seus 4 ou mais caracteres de comprimento. Se tudo estiver ok ea variável nome de usuário é de 4 caracteres podemos ir em frente e fazer a solicitação ajax. Continue lendo Checker de Disponibilidade de Usuário em jQuery, PHP e MySQL

jQuery PHP Ajax Autocomplete

Existem duas funções no bloco de código abaixo. o primeiro uma ‘sugerir’ executa a solicitação ajax com base na entrada usuários no campo de texto que é passado para a função quando a função for executada. Nós referenciar a entrada com “inputString” a variável.

a primeira secção do código é uma simples se instrução para verificar se o comprimento da entrada de utilizadores na caixa de texto é mais do que 0. Se for, corremos o pedido ajax para obter a lista de sugestões do banco de dados. #country refere-se à ID da entrada de texto em nosso formulário. Você pode ver que estamos adicionando “carga” a classe para a entrada de texto. Isso é para mostrar um gif animado de carga para mostrar ao usuário que está recebendo dados do banco de dados. Continue lendo jQuery PHP Ajax Autocomplete

Algumas sintaxe e funções básicas SQL

Nesse post vou mostrar algumas funções de criação, leitura, modificação e deletar usando as sintaxe de SQL.

CREATE DATABASE nome; Cria um Banco de dados,onde esta escrito nome é o nome do banco de dados,o nome deve ser escrito em minusculo.

Funções Básicas:

SELECT seleciona campos para exibição
FROM seleciona tabelas
UPDATE atualiza dados,tabelas ou bancis
DELETE exclui dados,tabelas ou bancos
INSERT inclui dados,tabelas ou bancos

Mais Complexas:

SELECT campos,campos FROM tabela|Aqui selecionamos dados de campos e a tabela onde se identifica os campos

onde esta campos digitamos os campos a serem selecionados,podem ser quantos quiser(desde de que exista) separados por virgulas.

UPDATE campos,campos FROM tabela|Aqui Atualizamos dados de um campo e de uma respectiva tabela

DELETE campos,campos FROM tabela|Aqui deletamos dados de um campo e de uma respectiva tabela

INSERT campos,campos FROM tabela |Aqui atualizamos dados de um campo e de uma respectiva tabela

essas sintax tem um tipo de formação que é feita desse modo:

FUNÇÃO campos,campos FUNÇÃO2 dado2;

sempre a função “mestre” vem primeiro que pode ser SELECT,UPDADTE,DELETE e INSERT.

A função mestre é sempre a que decide o que sera feito e as outras funções mostrara como sera feito ou outros dados do banco de dados (FROM)

sempre depois de uma função mestre sempre vem os campos a serem feitos a modificação e uma função”semi mestre” (FROM)que decide a tabela.

Funções Semi-Mestre:

FROM seleciona tabela

também temos a WHERE que seleciona o banco de dados(caso no seu servidor haja mais que um) e a ORDER BY que organiza os dados de acordo com o campo.

Podem existir várias funções Semi-Mestre em uma sintax,mais só existira uma função Mestre

a arquitetura básica é formada sempre por
FUNCAOMESTRE campos FROM tabela

Então pode se adicionar várias funções semi mestre.

Uso do ORDER BY o order by é usado para organizar por exemplo eu quero organizar pelo nome dai eu coloco,

ORDER BY nome 

o campo nome em qualquer aplicação tera ordem alfabética pois ela tera apenas nomes e o seu servidor de banco de dados automaticamente colocara em ordem alfabética qualquer valor que tiver letras

Então juntando tudo,vamos fazer um exemplo real:

SELECT nome,email,login,senha FROM clientes WHERE login ORDER BY nome

Qualquer dúvida é só comentar.

Acessando esse link, tem mais informações refente ao SQL

Join ou Junções SQL | Inner, left, right e full outer join

Join ou junção em SQL é um assunto que provoca muitas dúvidas, afinal, sempre que juntamos duas ou mais tabelas, poderemos ter resultados bem diferentes dependendo do tipo de junção que estamos fazendo. Escrevi um post sobre o left join e inner join e pelo visto o pessoal gosto da abordagem, agora, quero ir além e vou incluir além do left e inner, o right join, cross join e o full outer join. Continue lendo Join ou Junções SQL | Inner, left, right e full outer join

Left join e inner join: junção em consultas SQL

Left join é uma operação em consultas SQL para retornar todos os dados da coluna esquerda, independente de haver ou não dados na coluna da direita.

Imagine que você deseja listar todos os clientes de uma empresa, os valores de compras dentro do mês. Se você deseja que apareça todos os clientes, independente de terem feito compras ou não, então o Left join é a junção ideal para esta consulta SQL. Continue lendo Left join e inner join: junção em consultas SQL